Brasileira natural de Curitiba, a fotógrafa Ana Elisa Marques morou por dois meses no Egito para fazer um intercâmbio. Neste período ela aproveitou os finais de semana para viajar e conhecer melhor o país, sempre acompanhada de outros colegas do projeto e claro, sua câmera.

ana-elisa-marques-egito-inspi-4

Na programação das viagens e passeios, havia sempre o desejo de assistir ao nascer ou ao pôr do sol. “Falávamos: – mais um pôr-do-Sol para a coleção!”, conta a fotógrafa.

O resultado dessa viagem para nós, fãs da boa fotografia, é esta série de imagens espetaculares do horizonte egípcio intitulada de Shorook wa Ghoroob (pôr e nascer do sol em árabe). Como ela mesma diz: “(…) raros momentos de silêncio e paz em meio ao grande caos que é o Egito”.

ana-elisa-marques-egito-inspi-14

“Lá (no Egito), a noite é mais curta que no Brasil, anoitece às 19h e amanhece às 4h30 da manhã, então para vermos o nascer do Sol, tínhamos que levantar cedo. Especialmente na caminhada no Monte Sinai, onde começamos 1h da manhã para caminhar por 7km de subida e finalmente ver o nascer do Sol às 4h30 lá de cima”, conta Ana Elisa ao Inspi.

ana-elisa-marques-egito-inspi-1

ana-elisa-marques-egito-inspi-13

ana-elisa-marques-egito-inspi-12

ana-elisa-marques-egito-inspi-11

ana-elisa-marques-egito-inspi-10

ana-elisa-marques-egito-inspi-9

ana-elisa-marques-egito-inspi-8

ana-elisa-marques-egito-inspi-7

ana-elisa-marques-egito-inspi-6

ana-elisa-marques-egito-inspi-5

ana-elisa-marques-egito-inspi-3

ana-elisa-marques-egito-inspi-2