Ao analisar as marcas que se destacam na publicidade, notamos que todas elas têm algo em especial, que chama a atenção do seu público e que fica na memória para sempre. Seja o uso de uma mesma cor, um mascote, ou qualquer outra característica, marcas estão sempre estabelecendo conexões com consumidores a partir de histórias convincentes, mais conhecidas como storytelling.

Nos últimos anos, o investimento de empresas em plataformas de mídia social tem crescido significativamente. Mas será que essas marcas estão sabendo usar esses espaços? É preciso deixar de lado toda a estrutura tradicional de propaganda, pois em um contexto digital, onde é difícil se sobressair e chamar a atenção de um turbilhão de usuários, é muito comum ficar perdido ou ser esquecido. Trabalhar com mídia social muitas vezes requer foco e investimento consistente para um único objetivo: Chamar a atenção do segmento desejado.

Mas veja bem: não é tão fácil assim dialogar com seu público. Nós batemos um papo com o estrategista digital Jason Falls sobre o que as melhores marcas estão fazendo para evidenciar a sua imagem nas redes sociais. Se liga nas dicas.

01. Repense suas fotos de produto

[Foto por Rawpixel]

Publicitários sempre contam com fotografias de produtos impecáveis para aguçar o “apetite” das pessoas. Ou seja, marcas que desejam destaque nas mídias sociais são aquelas que pensam a fotografia de um jeito diferente e interessante. Por exemplo, Jason Falls já trabalhou com clientes da área de bebidas que optaram por uma linha editorial intitulada por ele de “subtle suggestion product shots”, ou melhor, “fotografia de produtos sugestiva”, em tradução livre. Ao invés de enfatizar a garrafa da bebida, um copo com o produto seria muito mais eficaz.

“Confie no seu público e na capacidade dele em entender sua história.”

02. Mantenha-se fiel a si mesmo

Quando se trata de mídia social, muitas empresas mudam sua estratégia e mensagens na esperança de alcançar a atenção do público mais jovem. Talvez essa não seja uma boa ideia. Sua imagem nas plataformas de mídia social deve igualar-se a sua imagem em outras plataformas e em campanhas. Sua ideia central deve ser a mesma, mesmo que você queira ser um pouco mais leve e divertido. Seu tom e sua voz devem ser reconhecíveis em qualquer meio. Saiba as cores que te representam. Certifique-se de continuar a usar o que funciona, enquanto experimenta coisas novas.

03. Não finja ser quem você não é

[Foto por CREATISTA]

Praticamente todo mundo quer alcançar a tão cobiçada geração de jovens, ou Geração Y, que está obsessivamente checando seus feeds. Hoje em dia, a concorrência para uma marca ser notada, curtida e seguida é absurdamente grande. No entanto, isso não é motivo para desistências. Falls afirma que algumas marcas estão “tentando falar com os millennials”, mas às vezes elas estão exagerando quando o assunto é ser jovem e original, e acabam soando falso. “Criar e usar uma imagem que será muito notada pode surtir o efeito contrário, e você pode acabar se lamentando ou, pior, terá que pedir desculpas. Não dê razão para as pessoas falarem sobre você por motivos errados. Use sempre o bom senso.”

04. Siga as regras de cada plataforma de mídia social

Um dos maiores erros que gerentes de mídia social cometem é não separar um tempo suficiente para pesquisar e entender as regras de cada plataforma. Por exemplo, você pode até usar a mesma imagem em diferentes canais, mas deve ter em mente que cada canal tem seu formato específico, sua própria cultura etc.

Se você não se esforçar um pouco, corre o risco de ter suas imagens “cropadas” erroneamente, comprometendo totalmente sua mensagem final. Mesmo que você tenha uma ideia fenomenal, Falls obserava, ela pode ir por água abaixo por causa de erros e falta de atenção. Jogue conforme o jogo.

05. Contexto é sempre importante

As pessoas percorrem seus feeds tão rapidamente que as marcas têm apenas uma breve oportunidade de se conectar com seu público. Certifique-se de que a imagem escolhida por você é capaz de fisgar a atenção do seu público por si só. Às vezes, aquele velho clichê de que “uma imagem vale mais do que mil palavras” funciona super bem para uma peça ou campanha, mas pode ser que você queira adicionar texto ou outro elemento de design para que sua mensagem chegue perfeita até seu usuário. Jason aconselha: “Se você olhar para a comunicação de uma perspectiva de marketing de consumo, você vai neutralizar qualquer tipo de resistência.” Isso vai aumentar significativamente as chances de alguém entender e gostar da sua mensagem ao entrar em contato com ela. E essa é a maneira mais eficaz de capacitá-los a compartilhá-la com outro alguém.”

Fonte: Shutterstock